Historeando: O Resgate da Felicidade Perdida

Historeando: O Resgate da Felicidade Perdida

Quando a pequena menina Kim Phùc tinha nove anos, sua aldeia no Vietnã foi bombardeada com napalm. O fotógrafo Nick Ut capturou a imagem assustadora dessa criança queimada correndo e chorando em sua direção. Em meio aos horrores da guerra aquele encontro mudou para sempre as suas vidas.

O fotógrafo salvou a vida da menina, resgatando-a na hora e depois internando-a em um hospital, enquanto sua foto corria o mundo e acelerava o fim da guerra do Vietnã.

A segunda imagem, terna e adorável, foi fotografada décadas depois, no ano de 1995, por Joe McNally, e retrata aquela menina ferida por napalm agora adulta, segurando seu filho bebê, com amor e carinho.

Em suas costas ainda estão as cicatrizes, mas Kim embala uma nova vida em seus braços, um símbolo de sua vitória sobre a morte.

As gerações que conheceram a célebre imagem da menininha correndo nua, com sua pele queimada, não imaginavam que ela havia sobrevivido aos ferimentos, e conseguido resgatar a felicidade perdida na infância, tornando-se uma mulher, constituindo uma família e finalmente podendo viver uma vida feliz, longe dos horrores do passado, apesar das cicatrizes.

Comentários
Compartilhe!

Entrar

Cadastrar

Redefinir senha

Digite o seu nome de usuário ou endereço de e-mail, você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.